quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

NEVE

Imagens para mais tarde recordar.
A neve que caiu em Fafe que graúdos e miúdos tanto apreciaram.





Neve
Fria, macia, branca e leve
Branca e leve como o papel e o algodão
Algodão parece os flocos de neve a cair
Cai nas ruas, avenidas, praças e caminhos
Caminhos que se tornam brancos
Brancos estão os telhados, os campos e toda a Natureza
Natureza que fica deslumbrante com o seu manto
Manto branco, fresco e puro,
Puro o coração das crianças
Crianças que brincam felizes na neve …

Texto colectivo

segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

REIS

No dia nove de Janeiro fomos cantar os Reis ao Pavilhão Multiusos.

Quando chegámos ao Pavilhão Multiusos já estavam lá meninos de outras escolas, o Senhor Vereador, o Senhor Presidente da Câmara, …

Nós sentámo-nos enquanto esperamos que os restantes meninos da nossa escola chegassem.

Depois de chegarem o Senhor Presidente foi ao palco agradecer a presença de todas as escolas que foram participar no décimo encontro de cantar dos Reis

Estavam lá uns senhores a filmar as actuações das escolas, durante a tarde ia passar uma reportagem na televisão, na RTP1.

Nós cantámos muito bem e também ouvimos cantar outras escolas.

De repente, começou a nevar e tudo ficou branquinho, era giro ver os flocos de neve a cair!

Passado algum tempo lanchamos e ofereceram-nos um kinder Delice.

Como tinha nevado bastante e o trânsito estava muito complicado, fomos os últimos a sair do Pavilhão e também porque o autocarro que nos ia transportar para a escola não conseguiu e fomos transportados pela protecção civil. Outros meninos os pais foram buscá-los ao Multiusos. A escola durante a tarde fechou, logo não tivemos aulas e fomo-nos divertir.

A tarde foi passada a fazer brincadeiras na neve fofa e branca.

Foi um dia bem passado, diferente e inesquecível!

Vânia 3.ºAno


video

"LENDA DA JUSTIÇA DE FAFE"

Na área de Estudo do Meio, no estudo do tema “A História de minha terra” foi proposto aos alunos investigarem um pouco sobre o meio local e então surgiu como não poderia deixar de ser a “Lenda da Justiça de Fafe”.




A Justiça de Fafe é um dos maiores símbolos da nossa localidade e como tal foi feito um monumento.
Este monumento tem como base uma lenda que foi inaugurado em Agosto do ano 1981.
Segundo os mais antigos, esta é a lenda que mais se aproxima da verdade, pois existem várias e qual delas a mais engraçada!
Um Visconde de Moreira de Rei que era um político com muita influência terá chegado atrasado a uma sessão da corte e um tal Marquês também deputado chamou “cão tinhoso” ao Visconde. Este fez que não ouviu.
No final da sessão o Visconde foi tirar satisfações com o Marquês, este não gostou como ainda lhe atirou com as luvas à cara.
Naquela época resolviam-se os conflitos com um duelo, só que quem escolhia as armas eram os ofendidos, o Visconde escolheu paus de marmeleiro. O Marquês como não estava habituado a manejar tal arma o Visconde deu-lhe a primeira paulada e o Marquês só sabia defender-se. O Visconde deu-lhe tanta pancada que o povo que assistia por entre risos e gargalhadas gritava em coro “Viva a Justiça de Fafe” E assim ficou conhecida a lenda da Justiça de Fafe”.

Texto escrito pelos alunos do 3.ºAno