segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

INVERNO


Estamos no Inverno.
Nesta estação do ano, os dias são mais pequenos e as noites ficam maiores.
O tempo fica mais frio. De vez em quando o sol abre mas a chuva não pára de cair. Quando estamos na rua, os guarda-chuvas viram e as saias das meninas levantam. Nesta altura, as pessoas aproveitam os aquecedores e as lareiras para se manterem quentinhas em casa.
Nesta época temos de usar roupas quentes, como kispos, luvas, cachecóis, gabardines…
Também há animais que hibernam nesta altura, como os esquilos, os ursos, os morcegos, as cobras voltando mais tarde, no começo da Primavera.
Os frutos desta época são as tangerinas, as laranjas, os limões e as limas ricos em vitamina C.
Também foi nos primeiros dias de Inverno, que aconteceu o primeiro eclipse do ano.
As festas que se comemoram nesta estação são o Natal, o Ano Novo, os Reis, o Dia Mundial da Paz, o Carnaval e o Dia do Pai.
Esta estação do ano não é uma das minhas estações favoritas, porque não posso brincar lá fora com os meus amigos.
João Ricardo
O Inverno
        O Inverno é uma das quatro estações do ano. Começa no dia 20 ou 21 de Dezembro e termina no dia 20 ou 21 de Março.
Nesta estação chove muito, havendo, por vezes, inundações que fazem muitos estragos, causando por vezes prejuízos e também há pessoas que perdem a vida. Cai muita neve, principalmente nas Serras altas como a Serra da Estrela. Os turistas aproveitam a neve para fazerem desportos e as crianças para se divertirem.
Os dias são curtos e as noites longas e frios. As pessoas usam roupas muito quentes e procuram ter as casas mais aquecidas.
É também nesta estação, mais propriamente no mês de Dezembro, que se celebra a festa do Natal. É uma festa em que as famílias se reúnem para confraternizarem à volta da mesa recheada de muitas iguarias. 
O Inverno é de facto, uma estação muito interessante.

Carolina Cunha
POEMAS

No Inverno,
 Neva até que se eleva.
Com o frio,
Painel de Inverno da sala mágica
Arrepia-se o rapazio.
No Inverno,
Há dias pequenos,
E outros até menos.
No Inverno,
Só se vê o interior,
Com um pouco de amor.
No Inverno,
Há dias com amor,
E outros com horror.
O Inverno é assim,
Não a nada fazer,
enfim!!!
Sofia
Uma brisa de vento
O Inverno chegou.
Uma pinga de água
A chuva anunciou.
O sol acabou,
E o mau tempo voltou.
As crianças à lareira
Acalmando o coração.
Os dias tornam-se cinzentos
O clima chuvoso,
Mas entre as nuvens aparece
Um raio de sol teimoso.
As botas temos de calçar
Para não constipar,
E o kispo vestir
Para à neve podermos ir.
Um boneco de neve
Todos vamos fazer
Com uma cenoura no nariz
E um gorro a condizer.
O Inverno é mesmo assim
Nunca há-de mudar,
A relva toda queimada
E as flores a chorar! 

Beatriz Lopes
Que frioooooo...

7 comentários:

Beatriz disse...

ola a todos.
Acho que todos os poemas estavam muito bonitos.Parabéns!!!
Beijinhos da Bea.

Bruno disse...

A porta da sala ,está magnifica.E
se a parte de fora já está bonita a de dentro deve estar muito boa!
Beijinhos do Bruno .

Henrique disse...

O nosso painel estava muito bonito e os poemas não eram exepção, esmeramo-nos muito e valeu a pena.
Adeus.

Dalila disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dalila disse...

Olá a todos,
Pois é meninos... os poemas estavam muito bonitos.
Parabéns. são muito trabalhadores.
Gostei muito de os ler.
Beijinhos

eva miriam pires castro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
eva miriam pires castro disse...

ola a todos
os trabalhos que fizemos ficaram muito bonitos.
parabéns a quem colaborou!
beijos da eva.